Aguarde...

LAVAR O MADELINE

A TRADIÇÃO

UMA TRADIÇÃO NASCIDA EM SALVADOR DA BAHIA

AS ORIGENS, A FESTA DO SENHOR DO BONFIM
Para preparar a festa do Senhor do Bonfim, no segundo domingo de janeiro - depois do dia de Reis, os membros da Irmandade dos Devotos Leigos, obrigavam os escravos a lavarem a nova igreja do Bonfim (hoje célebre por suas fitinhas usadas como lembrança e amuleto).

Uma vez o trabalho de limpeza executado no interior da Igreja, os escravos eram deixados nas escadarias. Diante da porta fechada, eles faziam sua própria homenagem ao Senhor do Bonfim com rituais do Candomblé, em uma procissão ritmada por cânticos e percussões. Uma festa que acontece ainda hoje, saindo da Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia, padroeira da Bahia, até à Igreja do Bonfim, uma obra-prima barroca.





A LAVAGEM ACONTECE HÁ 16 ANOS EM PARIS

O Festival Cultural Brasileiro “Lavage de la Madeleine” acontece todos os anos no mês de setembro em Paris, e atrai mais de vinte mil pessoas a cada ano, provando que esta manifestação seduz e conquista a simpatia do público francês.

Atualmente, o “Lavage de la Madeleine” é o maior evento brasileiro de rua na Europa e em Paris. Faz parte do calendário oficial artístico e cultural francês. Deste modo, recebe apoio da cidade de Paris, da prefeitura do 8º arrondissement, da Prefeitura do 14º arrondissement, da Igreja da Madalena e também de instituições brasileiras, como a Embaixada do Brasil na França.



HOMENAGEM ÀS « FESTAS POPULARES »

Um dos motivos pelo qual o Brasil é conhecido no mundo é, sobretudo, por suas grandes festas populares que variam segundo a época do ano, percorrendo todo o país. Saudar o ano que começa na praia. Dançar o samba nas ruas. Acompanhar shows itinerantes atràs de um caminhão com enormes altos-falantes. “Levantar a poeira” dançando o Forró. Brincar e se divertir com o “bumba meu boi”.

Todo ano, levando em conta todas as características de cada região do país, as festas brasileiras dão uma ideia do mosaico cultural do Brasil, no qual as diferenças valorisam o todo. A fé brasileira assume também proporções continentais nas celebrações que atraem multidões ao redor de uma divindade ou de um ritual. Os principais eventos do país valorizam a modernidade, os saberes, as músicas, as artes plásticas, a literatura, a moda, o cinema, o teatro e a dança.

O calendário brasileiro das principais manifestações culturais é riquíssimo, com festividades e eventos realizados em pequenas cidadezinhas e também nas grandes metrópoles.

As festas populares representam o lado alegre, criativo e a fé dos brasileiros: do Réveillon no Rio de Janeiro ou do Carnaval nas diferentes regiões, do Festival de Parintins na floresta amazônica, passando pelas “Festas juninas” no nordeste ou pelas grandiosas procissões como a de « Círio de Nazaré » em Belém, ou ainda as festas representando a cultura dos imigrantes, como a “Oktoberfest” em Blumenau, as « rodas de capoeira » (luta dançada e cantada) por todo o país sem data precisa, ou ainda as festas tradicionais dos imigrantes italianos no Brás de São Paulo.

O Brasil é considerado à fortiori o país da festa!

Roberto Chaves
Co-fondateur & Président da Association Viva Madeleine
« VIVA MADELEINE » é uma associação franco-brasileira criada em 2002 por uma equipe de apaixonados pelo Brasil : Jean-Alain Guieu, Adilson Rodriguez e Roberto Chaves. A vocação da associação é a de valorizar a cultura popular brasileira na Europa, nos seus aspectos turísticos e culturais. Desde a sua criação, a associação realiza o Festival Cultural Brasileiro « Lavagem da Madalena », que propõe uma programação variada, rica em manifestações artísticas brasileiras:

- Shows excepcionais, com a vinda de artistas como Carlinhos Brown, Margareth Menezes e, mais recentemente, Daniela Mercury.

- Este ano o VILLAGE BRÉSIL, uma nova e mais completa versão do antigo Mercado Brasileiro. O Village Brésil possui uma grande capacidade de acolher o público, em um espaço exclusivo com um pavilhão GASTRONÔMICO, ANIMAÇÕES e SHOWS SENSACIONAIS de duas divas das música brasileira:

- Margareth MENESES, porta-voz do afro-pop brasileiro e

- Elba RAMALHO, a eletrizante rainha dos ritmos populares. Com a participação de Emiliah LINS e de convidados surpresa.

Le VILLAGE BRÉSIL oferece também este ano um ESPAÇO BUSINESS, aos nossos parceiros. Um lugar privilegiado para apresentações e encontros profissionais de todos os setores que ligam o Brasil e a França. As trocas nos setores de turismo, serviços e gastronomia suscitam um interesse particular no empresariado franco-brasileiro desde a criação do Mercado Brasileiro, em 2011. EXPOSIÇÃO do Cartunista brasileiro CAÓ CRUW ALVES, criador do desenho que ilustra o cartaz e a animação da 16ª Edição da Lavagem da Madalena em Paris. EXPOSIÇÃO DE FOTOS

A associação deseja solidificar o intercâmbio cultural entre o Brasil e a França, principalmente pelo viés de nossos apoiadores e de nossas parcerias artísticas. Outras regiões do Brasil são igualmente homenageadas, como a região do nordeste, com a participação do grupo folclórico Boi Barrica, do estado do Maranhão, em 2012. Da mesma forma, outros países africanos também tiveram sua participação no Festival, como a Guiné, com a participação de uma fanfarra em 2005.

Através de suas ações, a Associação VIVA MADELEINE aspira à paz no mundo e à harmonia entre os povos.

NÚMEROS-CHAVE

250

250 anos de tradição. No Brasil, a lavagem acontece há 250 anos. É a segunda festa mais popular depois do Carnaval.

1774

Ano de realização da primeira Lavagem nas escadarias da Igreja do Nosso Senhor do Bonfim em Salvador da Bahia.

1998

Ano de realização da primeira Lavagem fora do Brasil, em Paris. Na Basílica do Sacre Coeur.

2002

Apartir de 2002, a Lavagem é festejada na Place de la Madeleine, à Paris.

2005

A cidade de Paris e a Região Île de France são PARTROCINADORES do Festival Cultural Brasileiro.

2011

A Unesco reconhece o valor cultural da Lavagem ao inscreve-lo no projeto A Rota do Escravo.

2012

Comemora-se os 10 anos da Lavagem com o lançamento oficial do selo pela La Poste.

2013

Inauguração do Mercado Brasileiro na Place de la Madaleine.

30 000

Um grande sucesso, são mais de 30 000 pessoas prestigiando o evento na Praça de la Madeleine.

En septembre 2011, l’Organisation des Nations Unies pour l’éducation, la science et la culture a reconnu la valeur culturelle du “Lavage de la Madeleine”. L’évènement fait désormais partie de la « Route de l’Esclave » programme mondial pour la réconciliation, du devoir de la mémoire et de la vérité historique.

Nous sommes fiers de cette reconnaissance, et honorés de travailler auprès des équipes de l’Unesco qui accompagnent et suivent l’évolution de notre manifestation.

NOTRE EQUIPE EN FRANCE

Endereço
Maisons des associations,
38 bd Henri IV
Paris 75004 France


Todos os campos são obrigatórios
ABRIR MAPA
FECHAR MAPA